Defensoria Pública leva assistência jurídica integral e gratuita à moradores do Bailique

O trabalho é parte do Programa Justiça Itinerante, do Tjap.

Por Rafael Guerra
21 Out de 2021, 1 mês atrás
Defensoria Pública leva assistência jurídica integral e gratuita à moradores do Bailique

 

Há três dias no Arquipélago do Bailique, distrito a 12 horas de barco de Macapá, a Defensoria Pública está trabalhando intensamente para garantir a assistência jurídica integral e gratuita à comunidade. O trabalho é parte do Programa Justiça Itinerante, do Tribunal de Justiça do Amapá (Tjap) que está em sua 140ª Jornada Fluvial.

Nesses primeiros dias, foram realizados 78 atendimentos. Segundo a defensora pública Zélia Moraes, o trabalho tem sido muito positivo.

“Atuamos em diversos processos, já fizemos acordos, demos entrada em ação, realizamos audiências (tanto de conciliação quanto de instrução e julgamento). O saldo do trabalho é muito positivo. Muitas soluções de problemas foram efetivadas na mesma hora. São demandas que persistiam durante anos e conseguimos resolver em uma única vinda aqui para o Bailique. A nossa expectativa é que nas demais comunidades teremos também um grande trabalho pela frente”, declarou.

Também estão na Jornada a defensora pública Renata Guerra Pernambuco, e os assessores técnicos Johnata Macedo, Eduarda Mendonça e Layana Muniz.