Defensora pública Elena Rocha é a primeira a receber Medalha de Honra ao Mérito

A condecoração foi entregue durante a solenidade de posse da nova administração superior.

Por Ingra Tadaiesky
26 Mar de 2024, 2 meses atrás
Defensora pública Elena Rocha é a primeira a receber Medalha de Honra ao Mérito

 

A noite da última sexta-feira, 22, foi repleta de emoções e o início de um novo ciclo para a Defensoria Pública do Amapá (DPE-AP). Durante a solenidade de posse da nova administração superior, a defensora pública, Elena Rocha, estreou a Medalha de Honra ao Mérito da instituição, em homenagem aos seus anos de atuação à frente da subdefensoria pública-geral.

A condecoração é para defensores públicos que se notabilizam por altos méritos pessoais e por excepcionais feitos na sua área de atuação. Além de membros, autoridades e pessoas da sociedade civil que prestam relevante contribuição para o fortalecimento da Defensoria Pública podem receber a medalha.

Aprovada na primeira turma de defensores públicos, Elena iniciou sua carreira como a primeira coordenadora do Núcleo de Família da DPE-AP. Ela também foi a primeira subdefensora pública-geral de carreira da instituição e ao longo dos seus anos de mandato não se afastou das atribuições da atividade fim, atuando incansavelmente na defesa dos direitos de pessoas vulneráveis.

Segundo José Rodrigues, defensor público-geral, a Medalha de Honra destinada a Elena pelo Conselho Superior, é uma forma de homenagear a sua determinação e empenho na construção de uma Defensoria forte e atuante. Este é um símbolo que a eterniza como a primeira defensora pública de carreira a ocupar a posição de subdefensora pública-geral.

“Ganhar essa medalha foi, sem dúvida, uma das maiores realizações profissionais que já tive. Desde que fui empossada, sempre busquei me dedicar muito para a instituição. Meu objetivo, desde que vim para o Amapá, é fazer da Defensoria Pública o melhor lugar possível para nossos assistidos. Receber essa medalha simboliza, para mim, um fechamento de ciclo grandioso que só me motiva a dar continuidade e cada vez melhorar minha atuação para proporcionar o melhor atendimento para o assistido”, comemorou Elena.

Agora, a defensora traça um novo caminho na sua atuação e toma a frente da coordenação do Núcleo Cível de Macapá, um dos mais numerosos da DPE-AP.